segunda-feira, 25 de abril de 2016

[RESENHA] NOVE REGRAS A IGNORAR ANTES DE SE APAIXONAR

Livro: Nove Regras a Ignorar Antes de Se Apaixonar
Série: Os Números do Amor #01
Autora: Sarah MacLean
Editora: Arqueiro

Resumo:
A sonhadora Calpúrnia Hartwell sempre fez tudo exatamente como se espera de uma dama. Ainda assim, dez anos depois de ser apresentada à sociedade, ela continua solteira e assistindo sentada enquanto as jovens se divertem nos bailes. Callie trocaria qualquer coisa por uma vida de prazeres.
E por que não se arriscar se, aos 28 anos, ela já passou da idade de procurar o príncipe encantado, nunca foi uma beldade e sua reputação já não lhe fará a menor diferença? Sem nada a perder, a moça resolve listar as nove regras sociais que mais deseja quebrar, como beijar alguém apaixonadamente, fumar charuto, beber uísque, jogar em um clube para
cavalheiros e dançar todas as músicas de um baile. E depois começa a quebrá-las de fato.
Mas desafiar as convenções pode ser muito mais interessante em boa companhia, principalmente se for uma que saiba tudo sobre quebrar regras. E quem melhor que Gabriel St. John, o marquês de Ralston, para acompanhá-la? Afinal, além de charmoso e devastadoramente lindo, ele é um dos mais notórios libertinos de Londres.
Contudo, passar tanto tempo na companhia dele pode ser perigoso. Há anos Callie sonha com Gabriel e, se não tiver cuidado, pode acabar quebrando a regra mais importante de todas – a que diz que aqueles que buscam o prazer não devem se apaixonar perdidamente.

Resenha:
Callie tem 28 anos e é uma solteirona, em sua décima temporada ela já está convicta que será uma solteirona pro resto de sua vida... Todos os seus antigos pretendentes eram caça-dotes ou muito velhos e negá-los era a solução correta. Só que ela jamais imaginaria que sua irmã caçula iria se casar logo na primeira temporada, ainda mais com um duque.
E é ao perceber que sua irmã estava vivendo toda a aventura e vida que sempre sonhou, e após uma breve conversa com seu irmão mais velho, que ela resolve "viver a vida", e que melhor maneira que realizando todo que sempre pensou, até as coisas mais absurdas, e realizá-las. 
No começo a lista era mais um meio de liberar os seus mais profundos desejos, mas, após uma grande reflexão, percebeu que não tinha nada a perda, além de sua reputação.
Dessa forma nossa mocinha, Callie, parte para a casa do mais notório libertino de Londres, e sua paixonite de uma vida inteira, o Marquês de Ralston, para cumprir o primeiro ítem da lista "Um Beijo Apaixonado".
O que Callie nunca iria imaginar é o que Gabriel iria pedir em troca... e como isso mudaria sua vida.
Gabriel St. John é um libertino e sempre deu razão para a boa sociedade londrina temer sua fama. Aos dez anos de idade ele e seu irmão gêmeo foram abandonados pela sua mãe, uma mulher egoísta e mimada, que partiu para a Itália com seu amante. O que ele jamais poderia imaginar é que quase vinte anos depois uma irmã iria surgir na sua vida, ao que parece sua mãe fez algo do qual é muito boa... destruiu outra família. 
Sempre fiel aos laços familiares tanto ele quanto seu irmão querem que sua irmã seja aceita na sociedade londrina, e que melhor maneira que sendo amadrinhada por alguém de boa família e com uma reputação imaculada... algúem como Lady Calpúrnia Hartwell... e é com isso em mente que ele aceita beijá-la, desde que ela consiga que sua irmã se transforme numa verdadeira dama.
Cartas na mesa e agora o jogo começa....
Desde o início todas as vezes que Callie tenta riscar um item da lista acaba se deparando com o Marquês e uma forte atração vai surgindo entre eles... E mesmo correndo o risco de acabar de vez com sua reputação ela sente que, pela primeira vez, está realmente vivendo. 
Gabriel nunca viu uma mulher tão impetuosa, independente e cabeça dura, e não imagina como nunca percebeu que Lady Calpúrnia fosse assim e simplesmente não consegue controlar a paixão que vai crescendo.
Esse livro é um dos mais divertidos que já li da Sarah MacLean. Sou fã da autora e do estilo e simplesmente me apaixonei por esse livro (sempre recomendo!!!). A autora conseguiu acertar na criação de Calpúrnia, que é tão exótica quanto seu nome, e me fazer apaixonar por Gabriel (fala sério... que homem é esse..kkk). Ri horrores com Callie indo a uma taberna, treinando esgrima e fumando um charuto. É de admirar a coragem da personagem!!! Adorei também os demais personagens.. como  Nicholas (o irmão gêmeo de Gabriel) e Juliana Fiori (a irmã caçula), que serão os protagonistas dos próximos livros. 
Eu amei esse livro e se tornou um dos meus favoritos, o que é uma grande coisa quando se é uma aficionada a romances de época...kkk
Agora é ficar na ânsia pelos próximos!!!!
Super recomendo *-*
Back
to top