quarta-feira, 24 de fevereiro de 2016

ENTÃO EU ASSISTI... "O QUARTO DE JACK"

O Quarto de Jack
Lançamento: 18 de fevereiro de 2016
Elenco: Brie Larson, Jacob Tremblay, Joan Allen, William H. Macy
Diretor: Lenny Abrahamson
Distribuidora: Universal Pictures
Nota: ★★★

Baseado no livro de Emma Donogue, O Quarto de Jack surpreende pela simplicidade e emoção. O longa conta a história de Joy, que foi sequestrada aos 17 anos e mantida em cativeiro, que é chamado de "O Quarto". Nesse período, Joy fica grávida e dá a luz ao seu "porto seguro", que é Jack. Para que O Quarto se torne um lugar suportável para viver, Joy usa a ingenuidade de Jack a seu favor, criando um mundo imaginário dentro do lugar. Para Jack, que nunca saiu do quarto, o mundo do lado de fora é outro planeta, e seu único contato com ele se dá por meio da televisão.
O filme inteiro transpira muito, mas muito amor maternal. Os personagens são desenvolvidos de maneira limpa, enfrentam situações bem reais, algumas bem encantadoras, outras dolorosas. O filme é bem impactante e traz uma mistura de sentimentos (como raiva, angústia, medo, nojo), ao mesmo tempo que encanta o telespectador com todo o questionamento de Jack acerca do mundo real, e seu primeiro contato com ele, junto com a adaptação.



Jacob dá um verdadeiro show de interpretação, e nos cativa o filme inteiro. Já Brie Larson faz um trabalho incrível, dado o fato que é ela quem carrega todo o filme. Ela se mostra o tempo todo bastante determinada a sair de seu cativeiro e com muita garra para se adaptar ao mundo, já que faz anos que ela está no cativeiro. É difícil segurar as lágrimas diante das cenas entre ela e Jacob.



Estamos acostumados a ver dramas familiares constantemente nos cinemas, mas O Quarto de Jack é diferente. Ele surpreende com o simples e sincero amor incondicional entre uma mãe e um filho, trazendo isso para fora da tela e fazendo com que quem assiste sinta esse amor também. É impossível não se emocionar com cada fala, cada reação e ação de Jack. E, no final, é impossível não sair do cinema sabendo que o mundo fica bem mais bonito aos olhos de uma criança. Recomendo bastante o filme.



Confira o trailer:



Back
to top