quinta-feira, 17 de setembro de 2015

ENTÃO EU ASSISTI... MAZE RUNNER - PROVA DE FOGO

Maze Runner - Prova de Fogo

Lançamento: 17/09/2015
Diretor: Wes Ball
Distribuidor Brasileiro: Fox Filmes

Se você, como eu, assistiu o primeiro filme da trilogia Maze Runner e gostou irá amar de paixão Prova de Fogo. Esse segundo filme veio com muito mais ação e aventura, sinceramente eu segurei o folego várias vezes (nem falo dos estados das minhas unhas.... totalmente roídas..kkk).
Como vocês sabem eu sempre procuro ler os livros que viram adaptações, em especial aqueles que estou louca para assistir os filmes, mas com Maze Runner foi diferente. Eu não quis ler os livros, na época que foi lançado eu não aguentava mais distopias, que boba eu fui. Ao contrário do que muita gente pensa a história não é uma distopia, o gênero é pós-apocalítico (depois faço um post explicando as principais diferenças entre um e outro) e é muito bom, pode apostar que entrou para a listinha dos livros a ler. 
Mas voltando ao filme... No primeiro filme descobrimos que Thomas e Teresa trabalharam para a C.R.U.E.L. e que por alguma razão (ainda não dita) eles acabaram indo parar na Clareira, quando eles conseguem sair da clareira eles descobrem que aquilo era um teste. Só que quando pensam que estão a salvos são levados por "forças rivais" para um outro lugar e é justamente quando eles estão chegando nesse novo lugar que o filme Prova de Fogo começa. 



Thomas e seus amigos (isso me lembrou um desenho..kkk) passam por uma bateria de exames e logo após descobrem que o deles não era o único labirinto que existia, e que há vários sobreviventes, mas (como sempre) Thomas fica desconfiado com as atitudes de seus anfitriões e também pelo fato de Teresa não estar com eles e vai atrás de explicações... E aí a coisa toda vai pro brejo. Ao descobrir que ainda estão na C.R.U.E.L. todos saem para o deserto em busca de refúgio em um grupo de rebeldes. 
No meio do deserto eles têm seu primeiro contato com os cranks (os zumbis - pessoas que foram infectadas e que se tornaram um tipo de zumbi muito rápido), lutam para sobreviver ao calor escaldante do deserto, lidam com rebeldes e tempestades elétricas suspeitas. Sinceramente, o labirinto era fichinha para o que essa galera teve que enfrentar neste segundo filme. 

Como se toda essa confusão não fosse suficiente, ainda há um tremendo golpe que abala de vez as estruturas de Thomas.
Ufaaaa eu tenho que confessar que saí da sala de cinema elétrica. O filme é repleto de ação do início ao fim, é muita tensão..kkkk
Estou realmente surpresa do quanto eu gostei do filme e ansiosa pelo próximo. 
Agora só nos resta esperar A Cura Mortal em 2016, e  lembre-se:  C.R.U.E.L. é bom".
Back
to top