segunda-feira, 10 de junho de 2013

[LANÇAMENTO], O trono do Sol – a magia do anoitecer


Chega às livrarias em junho pela editora LeYa “O trono do Sol – a magia do anoitecer” segundo livro da trilogia fantástica de S.L.Farrell.


A saga O Ciclo Nessântico é uma obra-prima da fantasia para adultos, um mundo onde a magia e a política misturam-se à guerra e à fé “O Trono do Sol é o melhor de S. L. Farrell, uma mistura deliciosa de política, guerra, feitiçaria e religião em um mundo repleto de imaginação, povoado por um elenco de lordes arrogantes, manipuladores, mendigos, padres, hereges, fanáticos, espiões, assassinos, torturadores, e damas sedutoras. Eles são personagens vívidos e memoráveis, a maioria pintada em tons de cinza, a minha cor favorita! Esta é uma visão onde a magia funciona. É um lugar fascinante, e que estou ansioso para visitar de novo.”  – GEORGE R. R. MARTIN
Se a cidade de Nessântico pudesse se definir em um gênero, sem dúvida, seria uma mulher no auge de sua beleza e poder. A mais bela e imponente cidade às margens do rio A’Sele, isolada dos Domínios e cercada por majestosas pontes de pedra – sua única ligação ao continente – é o principal polo comercial do território, e por isso passou a nomear todo o país. Mas esse esplendor gera muito mais do que admiração entre os pares, Nessântico é invejada pelos demais governantes dos Domínios e sua glória pode estar com os dias contatos.
Depois do alvorecer, Nessântico nunca mais seria a mesma... Ela havia mudado e não podia fechar os olhos para os acontecimentos extraordinários que abalavam o seu cotidiano. Pragas, criaturas fantásticas, trocas de poder, novas alianças, fé abalada, assassinatos e mistérios brotam pelas rachaduras da poderosa arquitetura da cidade.
A editora LeYa lança em junho “O trono do Sol – a magia do anoitecer” segundo livro da saga fantástica O Ciclo de Nessântico de S.L.Farrell, aclamado como uma nova voz para o gênero de literatura de fantasia.
Neste livro, Farrell prossegue a trama de intrigas e disputa pelo poder político, religioso ou familiar, iniciada em “O trono do Sol - a magia da alvorada”. Com personagens fortes e ainda mais complexos, o autor revela nestas páginas as sombras que habitam o interior de cada sobrevivente desse tabuleiro em que a sorte está lançada. Alguns já caíram, outros estão ameaçados, e muitos ainda aguardam ser descobertos na penumbra da noite. Vale tudo para manter-se vivo, até mesmo rever as alianças e reposicionar-se ao lado do inimigo para não perdê-lo de vista. Um livro em que culpados e vítimas alternam-se até a última página.
“Nessântico – a cidade, a mulher – sempre forte; sempre magnífica; sempre sedutora e desejável. O estandarte azul escuro com dourado intenso tremulava em suas torres, e as luzes dos ténis resplandeciam como estrelas em sua noite. Não havia cidade no mundo conhecido que pudesse rivalizar com ela. Mas havia muitas que a invejavam.”
Back
to top