domingo, 6 de maio de 2012

Resenha: Terrível Encanto

Livro: Terrível Encanto

Wicked Lovely - Livro 1

Autor (a): Melissa Marr
Editora: Rocco
Paginas: 360

Sinopse:  Desde pequena, Aislinn possui um dom especial – a Visão, que permite que ela perceba os seres encantados que circulam entre os humanos, invisíveis para a maioria dos mortais. Mas, ao contrário do que as histórias infantis sugerem, as fadas podem ser extremamente perversas e egoístas, a ponto de machucarem as pessoas de propósito. Aislinn mora na decadente cidade de Huntsdale, nos Estados Unidos e sempre viveu pautada por três normas básicas. Regra número 3: não encare as criaturas invisíveis. Regra número 2: não responda a criaturas mágicas invisíveis. Rega número 1: nunca desperte a atenção dos seres mágicos. Mas, mesmo com todos os seus cuidados, Ash, como a jovem também é conhecida, quebra todas as regras num mesmo dia ao ser descoberta por Keenan, o Rei do Verão. Há nove séculos, o deslumbrante rei procura por aquela que será a sua rainha, a Rainha do Verão. Apesar de todo seu horror ao mundo das fadas, Aislinn sente-se cada vez mais atraída pelo universo fantástico a sua volta, ainda que isso coloque sua vida em risco. No meio desses seres encantados e poderosos, Aislinn quer apenas ter uma vida normal, mas será que ela conseguirá fugir de um destino para o qual parece não haver escapatória? E se falhar... o que virá depois?




A autora:


Melissa Marr nasceu em 1974, nos Estados Unidos, e cresceu acreditando em fadas, fantasmas e outros tipos de criaturas fantásticas. Quando tinha 12 anos, ela decidiu quer queria escrever, ensinar e ser mãe. Fascinada por folclore e mitologia, Melissa deu aulas de literatura por mais de uma década para universitários, trabalhou como garçonete e barwoman e teve vários empregos de meio período enquanto, com o apoio do marido, criava suas histórias. Terrível encanto foi seu primeiro romance, a quarta tentativa de escrever um livro – antes, ela elaborou uma aventura sobre vampiros nos dias atuais, outra sobre viagens no tempo na Era Vitoriana e ainda uma ficção fantástica. Fã de filosofia e sociologia, ela gosta de autores como William Faulkner e W. B. Yeats, mas lê todos os gêneros: da fantasia à ficção contemporânea, do mangá ao mistério. Atualmente, Melissa vive em Washington, D.C., com o marido e os filhos, e ainda acredita em fadas, fantasmas e outras criaturas fantásticas. 

Melissa Marr
Wikipédia


Resenha:

 
Sabe aquelas historias que há seres fantásticos/fabulosos/sobrenaturais/encantados entre nós? Bem nesse caso não é bem “historia”, esses seres existem realmente, mas quase ninguém vê (já que eles preferem ficar invisível para os humanos).

Aislin tem um dom/maldição da Visão.  Ash (como é chamada pelos amigos) infelizmente consegue vê-los, por mais que quisesse ser obtusa quanto a eles e viver tranquilamente como os outros humanos vivem. Isso nunca foi uma opção pra ela, mas a sua avó pode enxergá-los, sua mãe também podia – quando era viva, e ela também pode ver, uma herança de família. Desde pequena foi treinada para fingir ser normal. Era ruim demais poder ver esses seres e seria muito pior se eles soubessem. Muitas coisas ruins acontecem com aqueles que podem ver os seres encantados (eles não gostam muito de serem vistos por humanos em sua forma real), não é seguro e é por isso que ela tenta seguir todas as regras feitas pela avó, ficar invisível aos seres, manter o foco, não correr, não falar com eles.

Para Ash o único lugar onde se sente segura de verdade é na casa de Seth (ele mora num vagão de trem e seres encantados não gostam de metal). Ela tem sentimentos por Seth, mas tenta se manter fria quanto a isso, ela não pode e não quer estragar a amizade que há entre eles, com Seth, ela se sente quase normal.
Mas toda essa “normalidade” desmorona quando Ash começa a ser perseguida por um casal de seres encantados, e não são simples seres encantados. Esses são da realeza, ela consegue perceber isso pela arrogância e o caminhar deles. Um brilha como o sol e o outro é frio e pálido como a neve.

Keenam (Rei do Verão) deseja conquistar Ash para tentar recuperar seu reino. E Donia (garota do inverno/ex-namorada de Keenam) tem como função impedir que isso ocorra.
Ash se vê num meio de jogo de poder entre o reino do Verão e o do Inverno (cujo ultimo tem uma rainha – mãe de Keenam – que fará de tudo para impedir que o poder total se esvaia de suas mãos), e ela não gosta muito disso.

O livro começa meio parado no inicio, e às vezes ate meio chato. Mas de repente você percebe que não tem uma protagonista, são na verdade duas. As historias vão se formando, você vai ficando ansioso, querendo saber o que acontecera com esse quarteto complicado, e o final... é simplesmente D+. Pelo menos comigo, deixa a pessoa louca pra ler o próximo.
Vale lembrar que o livro contem umas cenas mais quentes (nada explicito – obvio - mas bem insinuativo). Esse livro da um super gostinho de quero mais.

Recomendo **

Resenha feita por:  Tamires Bourbon

Assista ao  Book trailer oficial:


Back
to top