sexta-feira, 6 de março de 2015

[RESENHA] 365 DIAS DE EXTRAORDINÁRIOS

Livro: 365 Dias Extraordinários
Autora: R. J. Palacio 
Editora: Intríseca

Resumo365 Dias Extraordinários - No romance Extraordinário, o leitor teve a chance de conhecer o memorável professor de August Pullman, o Sr. Browne, que no primeiro dia de aula, antes mesmo de se apresentar aos alunos, ofereceu uma profunda lição sobre a importância de cultivarmos preceitos positivos em nosso cotidiano regras capazes de nos inspirar a fazer escolhas cada vez mais acertadas ao longo da vida. O discurso do professor fez com que Auggie, pela primeira vez, pensasse que frequentar a escola poderia não ser tão má ideia.
É essa a inspiração que 365 dias extraordinários pretende levar ao leitor. A bela edição reúne uma coleção de preceitos que vão iluminar, confortar e desafiar cada um a se tornar uma pessoa melhor. São palavras de sabedoria pinçadas de fontes que vão desde músicas e grandes obras da literatura até inscrições em tumbas egípcias e frases de biscoitos da sorte, incluindo passagens de alguns dos mais importantes personagens de Extraordinário e de mais de cem dos milhares de leitores que enviaram seus preceitos à escritora R. J. Palacio. 365 dias extraordinários: o livro de preceitos do Sr.Browne é uma celebração da gentileza, da esperança, da força de vontade e do poder do coração.

Resenha: 

365 Dias Extraordinários é o livro perfeito para qualquer ocasião, momento ou idade. 
Se você estiver feliz ou satisfeito, se identificará. 
]Se estiver triste ou preocupado, se sentirá melhor e buscará seguir alguns preceitos. 
Bom, o livro além de ter preceitos lindos e verdadeiros apresenta, em cada final de mês, um fechamento dito pelo Sr. Browne, como e-mails recebidos pelos ex-alunos ou pensamentos interessantes, que, de certo modo, nos dará uma idéia do futuro que os personagens de Extraordinário tiveram. A galera que já leu o livro Extraordinário irá adorar esse extra, e quem ainda não leu o livro ficará com uma curiosidade e correrá para ler.

Todos deveriam ler e seguir pelo menos um dos preceitos contidos no livro. 
Se cada pessoa fizesse isso, o mundo seria bem melhor.

Back
to top